Microgreens: conheça esses pequenos vegetais e aprenda a cultivá-los hoje!

O que são e porque você deve começar a cultivar microgreens o mais rápido possível!

Microgreens: o que você aprenderá neste post?

Imagine poder cultivar um alimento que além de rico em nutrientes, é prático de plantar e saboroso… Temos uma boa notícia para você: sim, é possível! 

Os microgreens te oferecem todas essas vantagens. Nesse post você entenderá o que são eles, como esses vegetais, embora pequenos, podem contribuir positivamente para sua saúde e bem-estar. 

E claro, motivos que vão te convencer a querer cultivar microgreens o mais rápido possível!

Você vai notar também que eles são práticos, pois exigem pouco cuidado, ou seja, é a solução perfeita para você que quer cultivar um vegetal em casa, mas não têm muito tempo.

Ver também qual a diferença entre microgreens e brotos, e porque esses pequenos vegetais são tão importantes. Então… O que são microgreens? 

Microgreens: mais vitaminas em menos tempo

Antes de tudo… o que são os microgreens?

Os microgreens, em português, microverdes, são pequenos vegetais que são colhidos em sua fase inicial de crescimento, mais especificamente, após surgirem suas primeiras folhinhas. 

Esses micro vegetais impressionam por conta do sabor e dos inúmeros benefícios que oferecem. 

Embora pequenos, são extremamente ricos em vitaminas, e são vistos como uma versão mais atrativa de alimentos que não são tão saborosos.  

Como o próprio nome diz, os microgreens são pequenos (o tamanho varia entre 5 a 10 centímetros), e por isso, comumente são comparados a brotos. Mas, há uma diferença entre os pequenos vegetais e os brotos. 

Veremos quais são essas diferenças mais para frente… Antes, você verá qual a origem dos microgreens e porque esses microverdinhos revolucionaram a gastronomia. 

Origem dos microgreens: como tudo  começou

Como tudo começou: a origem dos microgreens…

Os microgreens começaram a ser utilizados na década de 80, na Califórnia. Surgiram como uma alternativa gastronômica utilizada pelos chefes Californianos, que unia a beleza dos pequenos vegetais com sabores refinados. Era o início da revolução dos microgreens. 

A inovação foi revolucionária e ganhou vários adeptos, pois é uma opção prática para quem vive nos grandes centros urbanos e busca a liberdade de poder consumir alimentos de qualidade, confiáveis e saborosos.  

Mas… afinal, quais os benefícios desses pequenos vegetais para sua saúde

Benefícios dos microgreens que vão te convencer a acrescentá-los na sua alimentação ainda hoje!

Microgreens são uma rápida fonte de vitaminas e nutrientes 

Em 2014, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) realizou uma pesquisa com alguns vegetais (coentro, aipo, repolho roxo, manjericão e rúcula).  A pesquisa revelou que os vegetais jovens chegavam a conter de 4 a 40 vezes mais a quantidade de vitaminas e nutrientes em comparação com os vegetais colhidos em fase adulta.

 Ou seja, a quantidade de nutrientes presentes nos microgreens é maior se comparado aos vegetais na fase adulta. Você deve estar pensando: “Ok… mas, por quê?”, é simples: você vai ver que os microgreens são colhidos durante a fase de germinação, e é nessa fase que a concentração de nutrientes é maior.  

Possuem substâncias que melhoram o seu processo digestivo 

Os compostos vegetais, toda essa concentração de vitaminas e minerais que eles têm,  podem melhorar os processos digestivos e regenerar o sangue, isso facilita o processo de desintoxicação e o fortalecimento do sistema imunológico. 

Vale ressaltar que, assim como os vegetais em fase adulta, os microgreens podem reduzir o risco de várias doenças.

 Não só isso, outra pesquisa realizada no Departamento de Agricultura dos EUA, em Beltsville, relatou que microgreens podem ser mais eficientes na prevenção de doenças do que vegetais adultos, doenças como: alzheimer, doenças cardíacas e diabetes,  podem ser prevenidas com o consumo desses pequenos vegetais.  

O sabor único e intenso dos microgreens estimula o paladar  

Como mencionamos, os microgreens são colhidos durante a fase de germinação, e é justamente nela em que há uma alta concentração de nutrientes, e isso favorece o sabor forte dos pequenos vegetais. Esse sabor intenso realça a textura de vários pratos e  traz um tempero diferenciado.

Ao consumir microgreens, você está também consumindo uma variedade de vegetais

Você já ouviu falar que quanto maior a variedade de cores no seu prato, significa que melhor está a qualidade da sua alimentação? Se sua dificuldade era acrescentar mais cores no prato, saiba que os microgreens resolvem facilmente esse problema.

Você pode cultivar microgreens de diferentes cores, como repolho roxo, manjericão e coentro, quanto mais melhor! Seu prato vai ter uma variedade de micronutrientes. 

Benefícios dos microgreens para sua saúde

Ok… E os brotos?  

Lembra que falamos que existe uma diferença entre brotos e microgreens?

 Então, os brotos são a primeira fase da vida de uma planta, eles não precisam ser germinados no solo e precisam de pouca luz e muita umidade. Já os microgreens são a segunda fase do desenvolvimento de uma planta. Precisam de solo e de luz solar para crescerem.

Esse processo de germinação pelo qual os microgreens passam antes de serem colhidos, faz toda diferença,  pois é nessa fase em que há a alta concentração de nutrientes, que torna os microgreens ainda mais ricos. 

Os microgreens levam cerca de uma a três semanas para crescerem; Os brotos levam menos de uma semana. 

Em termos de sabor, os microgreens são mais fortes e temperados – e suas folhinhas são consumidas. Os brotos têm um sabor mais sutil – e diferente dos microgreens, o caule e a semente que são consumidos. 

Microgreens e brotos comparativo

Como acrescentar microgreens na sua alimentação? 

Você viu que um dos benefícios dos microgreens é ter sabor intenso, e justamente isso favorece a combinação dos pequenos verdinhos com vários outros alimentos. Algumas dicas de como consumir os microgreens são: 

  • No topo de saladas ou de sopas;
  • Em sucos ou vitaminas;
  • Em omeletes; 
  • Em sanduíches, hambúrgueres ou torradas; 

Para começar: quais microgreens você já pode plantar hoje?

Agora que você já entendeu o que são microgreens e todos os benefícios que esses verdinhos te oferecem, vamos sugerir alguns microgreens para você cultivar o mais rápido possível, e posteriormente consumir. 

São ótimos para você começar sua hortinha de microgreens, pois são bastante conhecidos e você pode encontrar facilmente a semente desses vegetais para comprar. Alguns deles são:

  • Rabanete: são uma ótima opção para quem está começando a horta de microgreens, pois eles se desenvolvem rápido, logo, a colheita também será mais rápida.
  • Chia: a chia é embalada com nutrientes e é riquíssima em proteínas, fibras e gorduras saudáveis. 
  • Manjericão: também conhecido como Manjê – essa erva é versátil, pode ser combinada com diversos pratos.
  • Beterraba: lembra que quanto mais cor tiver no seu prato, melhor? A beterraba traz os tons de vermelho e roxo,  além disso, ela é riquíssima em nutrientes. 

Não para por aqui! São inúmeras opções, com inúmeros benefícios! Algumas crescem mais rapidamente, outras menos – você também pode misturar essas variedades.

Várias pesquisas estão sendo feitas e estão revelando outros fatores positivos e inovadores sobre esses pequenos vegetais! 

brotos e microgreens saiba mais

Além de extremamente nutritivos, os microgreens têm outra grande vantagem, que é a possibilidade e facilidade de ser cultivado em casa, e claro, essa praticidade é uma revolução para quem busca ter uma alimentação mais saudável.

Ou seja, os microgreens têm um potencial incrível, capaz de impactar seu bem-estar e revolucionar sua alimentação!

 Aposto que você ficou com vontade de começar sua hortinha de microgreens, e lembre-se: os microgreens crescem super rápido! 

Então se você já quer colher e consumir os microverdinhos, é melhor plantar o mais rápido possível! 

Para te ajudar a plantar, temos um guia completo – ele conta com um passo-a-passo ilustrado, que vai te guiar durante o plantio. Você pode baixá-lo clicando aqui:

 Após plantar, nos conte se deu certo, ok? Queremos ouvir sobre sua experiência, por isso, não deixe de compartilhar com a gente! Bom cultivo!

Bibliografia:

https://ptmedbook.com/microgreens-de-repolho-vermelho-podem-reduzir-o-risco-de-doenca-cardiovascular/

https://www.ecycle.com.br/component/content/article/38-no-mundo/2169-microgreens-pequenos-vegetais-podem-ser-cultivados-em-casa-e-tem-cerca-de-40-vezes-mais-nutrientes.html http://www.drtanajura.com.br/microgreens-cultivo-rapido-para-uma-alimentacao-mais-saudavel/